DESENVOLVENDO SEQUÊNCIAS DIDÁTICAS (SDs): POSSÍVEIS REFLEXÕES SOBRE UMA PROPOSTA DE ENSINO DE PORTUGUÊS

Océlio Lima de Oliveira, Célia Maria Pires, Shelton Lima de Souza

Resumo


O presente trabalho é uma reflexão sobre algumas atividades para o ensino de língua portuguesa, nas modalidades oral e escrita, desenvolvidas pela Secretaria de Estado de Educação do Acre/SEE-AC. As atividades criadas pela SEE/AC estão organizadas em Sequências Didáticas (SDs), fundamentadas na proposta teórico-metodológica de Bronckart (1999) e de Dolz, Noverraz e Schneuwly (2004). As atividades produzidas pela equipe da SEE/AC objetivam fornecer, aos professores da rede pública estadual de ensino do Acre, subsídios para o ensino de língua que seja focado na produção linguístico-discursiva do português e menos centrado no estudo da nomenclatura gramático-normativa, que é comum observar em materiais tradicionais de ensino de línguas. Observamos que as atividades produzidas pela SEE/AC apresentam propostas de reflexão de questões contemporâneas que assolam a sociedade, estimulando, assim, o estudo do assunto discutido, o posicionamento do aluno frente ao tema abordado e a produção oral e escrita dos participantes envolvidos na aprendizagem do português. 


Texto completo:

PDF

Referências


BAKHTIN, M. Estética da Criação Verbal. Trad. de Paulo Bezerra. São Paulo: Martins Fontes, 2010.

BRONCKART, J.P. Atividade de linguagem, textos e discursos. Por um interacionismo sociodiscursivo. Trad. Anna Rachel Machado, Péricles Cunha. 2ª ed. São Paulo: EDUC, 1999.

BRITO, K. S. (org.). Gêneros Textuais: reflexões e ensino. 4 ed. São Paulo: Parábola Editorial, 2011.

DOLZ, J., NOVERRAZ, M. e SCHNEUWLY, B. Sequências didáticas para o oral e a escrita: apresentação de um procedimento. In.: SCHNEUWLY, B e DOLZ, J. Gêneros orais e escritos na escola. Trad. de Roxane Rojo e Glaís Sales Cordeiro. Campinas: Mercado de Letras, 2004.

KARWOSKI, A. M., GAYDECZKA, B. e BRITO, K. S. (Org.). Gêneros Textuais: reflexões e ensino. São Paulo: Parábola, 2011.

MARCUSCHI, L. A. Produção textual, análise de gêneros e compreensão. São Paulo: Parábola, 2008.

SAUSSURE, F. de. Curso de Linguística Geral. Organização Charles Bally e Albert Sechehaye; com a colaboração de Albert Riedlinger. Trad. Antônio Chelini, José Paulo Paes e Izidoro Blikstein. 27ª ed. São Paulo: Cultrix, 2006.

SCHNEUWLY, B. e DOLZ, J. Gêneros orais e escritos na escola. São Paulo: Mercado de Letras, 2004.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Revista Anthesis

Universidade Federal do Acre - Campus Universitário de Cruzeiro do Sul 
Centro de Educação e Letras

Estrada do Canela Fina, Km 12, Gleba Formoso – Cruzeiro do Sul – AC. CEP: 69980-000

Contato: cel.ufac@gmail.com

Qualis CAPES

Letras/Linguística - B2

Interdisciplinar - C

Educação - C